Avanti Marketing

blog

Como usar o remarketing para alcançar clientes que já visitaram o seu site

Se o seu negócio possui um site, certamente você já deve ter se deparado com clientes inativos, que visitaram a página em algum momento durante a jornada de compra mas não a finalizaram ou não interagiram mais com a sua marca nos canais de comunicação por algum tempo.

Esses clientes não convertidos podem ser atingidos por uma estratégia eficaz conhecida como remarketing, que pode ser feita no Google Ads, por e-mail marketing e também nas redes sociais, como Instagram e Facebook.

O remarketing consiste basicamente em criar anúncios focados nos clientes que já visitaram o seu site, em que os conteúdos aparecem mais de uma vez para esses usuários selecionados, como uma forma de reforço e consequentemente de conversão.

Se você quer entender com dicas práticas como utilizar o remarketing para alcançar clientes que já visitaram o seu site, continue a leitura deste artigo!

Entendendo o que é e como funciona o remarketing

Os anúncios direcionados para os clientes que já visitaram o seu site, aos quais chamamos de remarketing, são uma estratégia valiosa para se conectar de novo com o seu lead e mostrá-lo que o seu produto/serviço vale a pena.

Por serem bastante personalizados, esses anúncios conseguem criar consciência de marca no seu usuário de forma simples e eficaz. Pense que você buscou por um produto e desistiu da compra, um tempo depois começam a aparecer propagandas daquele produto em suas redes sociais, e-mails ou sites que visita, isso faz parte de uma boa estratégia de remarketing!

Mas, como exatamente esses anúncios chegam às pessoas que desejamos atingir? Isso é possível através de cookies ou pixels, ferramentas de conversão que são agregadas à máquina do usuário no momento em que ele visita a sua página, de acordo com critérios pré-definidos por você.

Ou seja, o código de rastreamento entende que aquele usuário está interessado no seu produto e então começa a entregar anúncios personalizados até que a conversão seja feita.

Então, sabemos que o remarketing pode ser muito efetivo, mas para isso é necessário criar anúncios relevantes e utilizar as estratégias certas para alcançar os clientes que já visitaram o seu site.

Escolhendo as estratégias certas para converter clientes

Apesar de o remarketing ser um método relativamente simples de implementar, são as estratégias escolhidas, como a segmentação correta do público, o conteúdo do anúncio e os canais de veiculação, que fazem a diferença no final.

Além disso, como toda boa estratégia de marketing, tudo isso precisa ser baseado em dados para que seja efetivo. A seguir, detalhamos melhor algumas maneiras eficientes de fazer o seu remarketing ter resultados.

Conheça o seu cliente

Conhecer o seu cliente e saber em qual etapa do funil ele está é essencial para que você o atinja de forma correta e no momento adequado.

É preciso entender primeiro qual a sua persona, para assim direcionar os conteúdos, e, muito importante, entender em qual etapa do funil ela está, uma vez que cada etapa exige uma abordagem diferente para que esse cliente passe então para a próxima. 

  • Consciência: quando o usuário começa a pesquisar determinado produto ou serviço, mas não necessariamente tem a intenção de comprar;
  • Consideração: o usuário já cogita realizar a compra e pode inclusive estar realizando uma pesquisa de mercado;
  • Compra: momento em que ele toma consciência e realmente efetiva a compra.

Com essas informações em mãos, é possível criar uma estrutura adequada para alcançar clientes em diferentes etapas do funil!

Quais canais utilizar?

Como citamos anteriormente, o remarketing pode ser feito em diferentes canais, e o mais importante é entender em quais deles o seu cliente está, para então atingi-lo da melhor forma.

Assim, não necessariamente é preciso usar todos os canais, e sim utilizar os canais certos para que o seu cliente seja impactado e converta.

Entre os canais possíveis de trabalhar com o remarketing, é bom saber que existem:

  • Display Google: o mais conhecido e um dos mais utilizados, já que possibilita criar anúncios com imagens, textos e vídeos customizados;
  • E-mail: permite direcionar os anúncios diretamente para os usuários que abriram seus e-mails recentemente (ótima estratégia para meio de funil);
  • Buscadores: é um formato abrangente, que possibilita encontrar usuários que já pesquisaram por alguma palavra chave relacionada ao seu produto/serviço;
  • Redes sociais: parecido com o Google, esse tipo de remarketing mostra anúncios para o cliente que visitou seu site, porém nas redes sociais, podendo ser em todas elas ou em redes específicas.

O conteúdo é muito importante

Tão importante quanto a escolha dos canais e o conhecimento do cliente é criar um conteúdo realmente relevante e estratégico.

Certamente, isso inclui copys bem elaboradas, criativos que chamem a atenção e encorajem o consumidor a clicar no seu anúncio e uma call to action que guie o cliente exatamente à ação que você deseja que ele realize.

Faça análises constantes

Toda estratégia de marketing pede análise de dados, já que são eles os responsáveis por identificar na prática o que é efetivo e o que não é.

Assim, com uma campanha de remarketing ativa, é imprescindível que seja feito um acompanhamento constante das métricas, principalmente o CPC (Custo por Clique) e o CPA (Custo por aquisição).

Conte com profissionais especialistas no assunto

Para ter sucesso em suas estratégias de remarketing, nada melhor do que contar com especialistas em marketing para as suas campanhas!

A Avanti possui uma equipe completa para te ajudar, fazendo desde a gestão de redes sociais, marketing de conteúdo, branding e mídia online até sites e blogs.

Fale conosco e saiba como podemos te ajudar a aumentar as suas conversões: [email protected] 🚀

Leia também:

plugins premium WordPress